Quais são os perfis de investidores? Descubra!

6 minutos para ler

O primeiro passo na jornada dos investimentos é descobrir qual é o seu perfil. A partir do momento em que identifica qual dos perfis de investidores está, você descobre quais são os investimentos mais adequados e quanto risco está disposto a correr.

Porque para tudo dar certo, você precisa definir o quanto pretende investir e de que forma fará isso.

A seguir, você saberá como o perfil do investidor poderá impactar os resultados dos investimentos. Confira!

Afinal, o que são perfis de investidores e como isso afeta os resultados de um investimento?

Como você sabe, o mercado financeiro contém uma série de possibilidades de investimentos interessantes. Diante disso, não é raro encontrar muitas pessoas perdidas. São tantas as alternativas, que a confusão é um sentimento bastante comum.

Até porque existe aquela máxima (verdadeira) sobre o quanto pulverizar os investimentos. A questão é: como diversificar? Afinal, a diversificação da carteira está intimamente relacionada ao seu perfil de investidor.

Feito isso, o seu filtro de investimentos, digamos assim, será refinado. Isso porque existem excelentes investimentos para cada tipo de investidor.

Cada tipo de investidor deve efetuar alocações financeiras de acordo com as suas expectativas e sua tolerância a risco, para que eventuais quedas não o prejudiquem. Caso contrário, provavelmente a frustração será grande. O raciocínio é bem simples e lógico. Quem está disposto a correr mais riscos tende a obter uma rentabilidade maior do que aquela geralmente conquistada pelas aplicações menos arriscadas, mas também tem que aguentar quedas maiores no geral.

Vale ressaltar que investimentos arrojados não precisam ser sinônimos de fazer loucuras. Desde que haja orientação adequada, é possível realizar investimentos mais rentáveis e com uma boa margem de segurança. Os riscos continuarão existindo, mas eles podem ser minimizados e controlados, principalmente com a diversificação da sua carteira.

Contudo, quais são os principais perfis de investidores?

Na prática, as pessoas não assumem um único perfil de investidor. O mais provável e verificável é que os traços referentes a cada perfil de investidor se misturem. Na prática, o que nós percebemos é que determinados traços se sobressaem, predominando mais do que outros.

Assim, uma carteira de investimentos bem diversificada contempla diferentes modalidades de investimentos. O que muda é a proporção entre cada tipo de investimento. Então, você pode reservar um espaço maior da carteira para ativos com maior ou menor dose de risco.

Então, resumidamente, você pode ter uma tendência a ser um investidor:

  • conservador;
  • moderado;
  • arrojado;
  • agressivo.

Investidor conservador

Se você preza a segurança em qualquer tipo de investimento, independentemente da rentabilidade oferecida, o seu perfil é conservador. Outra importante característica desse investidor é o grau de certeza daquilo que ele receberá ao término do período de investimento.

Como esse tipo de investidor prioriza os ativos de renda fixa, a rentabilidade tende a ser baixa. Como a Selic segue uma trajetória descendente, os lucros proporcionados por títulos públicos, letras de crédito e fundos de ativos de renda fixa são desvalorizados, o que é um ponto de atenção. Caso se sinta confortável apenas com renda fixa, vale buscar outros ativos pré fixados como CDBs, LCIs, LCAs para conseguir uma rentabilidade maior até se acostumar, para então migrar para algo um pouco mais rentável.

Investidor moderado

Nem tanto lá nem cá, o investidor moderado é aquele ponto central entre os mais conservadores e os arrojados. Aqui, o foco ainda é voltado aos investimentos mais seguros e com maior liquidez. A diferença é a tolerância a arriscar uma parte do patrimônio para investir em ativos que possam ser mais rentáveis, balanceando a carteira.

Com um perfil mais tolerante a riscos, o investidor moderado alça voos mais distantes. Não confunda esse ganho de tolerância com o abandono do investimento em títulos de renda pré-fixada, pois isso ainda não acontece.

À medida que ganham confiança e conhecimento sobre o mercado, os investidores conservadores costumam assumir um tom mais moderado.

Investidor arrojado

Mais confiante do que o investidor moderado, principalmente por exibir mais conhecimento sobre o mercado e apresentar maior tolerância a quedas, está o investidor arrojado. O investidor arrojado está ciente de que para aumentar o próprio lucro ele terá de correr mais riscos.

Esse tipo de investidor está disposto a manter aplicações em ativos com rentabilidade variada durante todo o período de investimento, podendo ter uma parte menor do patrimônio em renda fixa.

Investidor agressivo

O investidor agressivo costuma conhecer muito bem o mercado e olhar métricas de risco com bastante consistência. O investidor agressivo é aquela pessoa que sempre pondera o risco atrelado a um investimento e o possível retorno que a aplicação pode gerar.

Não se deve, todavia, confundir tal agressividade com ações impulsivas. Aquele toque estrategista mencionado é mantido. O que diferencia um investidor menos arrojado do agressivo (mais arrojado) é o volume de aplicações em ativos com alta volatilidade.

Portanto, nem um nem outro desses investidores está disposto a apostar na sorte. Se o investidor agressivo identificar que uma modalidade de investimento é interessante, ele avaliará os riscos. É importante notar que o investidor agressivo pode realizar aportes pequenos ou maiores em ativos de maior risco. Tudo dependerá daquela ponderação entre o risco e o retorno esperado.

Desse modo, como descobrir qual é o seu perfil de investidor?

Para isso, basta verificar os aspectos levantados. Se você tem pressa e está disposto a correr mais riscos, o seu perfil tende para o investidor arrojado. Na outra ponta, estão as pessoas que preferem esperar mais tempo para aumentar o patrimônio, sabendo a rentabilidade que terão e sem ter que se preocupar com grandes quedas de mercado.

De uma forma ou outra, o importante é estudar sempre. O conhecimento é fundamental que se consiga realizar ótimos investimentos. Simultaneamente, é preciso diversificar a sua carteira, alinhando os seus objetivos a investimentos que sejam coerentes à estratégia pensada. À medida que se sinta confortável, você pode ampliar o risco.

Descobrir qual é a sua natureza entre esses perfis de investidores é crucial para que você comece a traçar as suas primeiras estratégias de investimentos. O exercício de autoconhecimento ajuda a descobrir qual é a melhor forma de investir naquele momento.

E você? Conte para a gente com qual dos perfis de investidores você mais se identificou!

Não deixe de acompanhar mais conteúdos como esse, assine a nossa newsletter!

Até a próxima!

pandhora news

Posts relacionados

Deixe um comentário